Editora PUC-Rio

“Considero interessante o indumento de Capistrano tentar desafiar os paradigmas vigentes na poca”, destacou o professor do Departamento de Comunicao Social da PUC-Rio Daniel Mesquita em entrevista ao Portal PUC-Rio Do dedo. Responsável do livro Descobrimentos de Capistrano: a histria do Brasil “a grandes traos e largas malhas”, da Editora PUC-Rio em coedio com a Editora Apicuri, o professor acredita que o historiador abriu uma possibilidade de pensar o Brasil de forma mais crtica.

Nesta entrevista, Daniel Mesquita relaciona a obra de Capistrano com a atualidade e ressalta seus principais aspectos. A interdisciplinaridade, a elaborao de uma histria relacionada populao do interno do pas e a valorizao do serto porquê uma questo a ser discutida so alguns dos assuntos ressaltados. A obra resultado da tese de doutorado de Daniel Mesquita e analisa a produo historiogrfica do cearense Joo Capistrano de Abreu (1853-1927). O professor recortou dilogos, por meio de cartas, de Capistrano com seus antecessores e contemporneos. O pensador, dessa forma, procurou esclarecer uma srie de questionamentos relacionados estruturao do texto historiogrfico.

» Portal PUC-Rio: Qual o maior legado de Capistrano para a histria do Brasil?

Daniel Mesquita: Capistrano abriu uma possibilidade de pensar e de pesquisar o Brasil que era inexistente antes dele. Ele fez um esforo de interpretao da histria do pas, na viradela do sculo XIX para o sculo XX, e comeou a dar relevncia, por exemplo, ao povoamento do interno e formao da sociedade brasileira. A histria do Brasil at aquele momento era mais relacionada aos governadores e aos grandes personagens ligados administrao. O historiador comeou a fazer uma histria relacionada a pessoas, s vezes annimas, que povoavam o interno do pas. Nesse sentido, Capistrano elaborou uma histria mais social e econmica do que poltica e militar. Atualmente existem vertentes da histria que vo nesse campo de estudo, da histria econmica, social e at do cotidiano. Capistrano fez uma pesquisa profunda sobre o pas que ainda hoje relevante. Por exemplo, o captulo que ele escreveu da histria do Brasil no livro Captulos de Histria Colonial sobre o povoamento do serto usado at hoje nos compndios escolares.

Leia mais:  Miss Minas Gerais Júlia Horta vence o concurso Miss Brasil 2019 | São Paulo

» Portal: E qual maior legado dele para a historiografia atual?

DM: O legado principal dele para a historiografia brasileira. Uma vez que estudioso da histria, observei a crescente valorizao do estudo historiogrfico, ou seja, da produo dos historiadores. um fiscalização crtico do prprio historiador em relao ao seu campo do conhecimento porquê, por exemplo, explorar questes relacionadas ao que os antecessores escreveram, em que tempo e quais questes buscavam responder. Esse vista interessante tambm na obra de Capistrano porque ele foi um dos primeiros a comear a elaborar anlises desse tipo no Brasil. Os primeiros artigos historiogrficos dele foram sobre Varnhagen, historiador brasiliano predecessor a ele.

» Portal: Qual o vista dos estudos de Capistrano que mais o fascina?

DM: Por vrios aspectos considero Capistrano um historiador muito interessante. , por exemplo, o primeiro que utiliza o mtodo histrico, claramente identificado em suas obras. Capistrano divulgado pela intelectualidade porquê aquele que introduziu uma novidade maneira de abordar o estudo do pretérito a partir da crtica documental. Essa novidade concepo da histria se inicia com Capistrano e mobiliza estudos at hoje. Considero interessante tambm o indumento de o historiador tentar desafiar os paradigmas vigentes na poca. Ele se coloca porquê crtico da tradio, ou seja, filtra os valores passados.

» Portal: Qual a importncia do estudo do serto na obra de Capistrano?

DM: Essa questo fundamental, inclusive porque naquele momento Capistrano no estava sozinho na valorizao do serto. A regio era muito interligada aos grandes personagens e geograficamente ao litoral. Pouco se estudava os acontecimentos do interno do serto. O historiador comea a invocar a ateno para a regio porquê uma questo a ser pensada. Pensou, por exemplo, a maneira que ocorreu a formao da sociedade sítio. Os contemporneos de Capistrano, porquê Euclides da Cunha e Joo Batista Ribeiro, eram intelectuais que tambm tomaram o serto porquê espao significativo, preceptor da nacionalidade e que muitas vezes no estava sendo levado em considerao, estava na sombra.

Leia mais:  Halloween no Brasil - Brasil Escola

» Portal: Capistrano estudava a histria do Brasil sob um prisma cientificista e patriótico. Na sua opinio, os historiadores atuais tm muito em geral com Capistrano?

DM: Acho que essa questo em relao nacionalidade e identidade brasileira uma questo que sempre aparece em debate. Ento, importante tentar entender porquê Capistrano, no momento dele, articulou as questes pertinentes da poca. Atualmente, inclusive, o pesquisador social e redactor Gilberto Freyre foi renovado na Sarau Literria Internacional de Paraty, a Flip. O evento discutiu tambm o tema da identidade brasileira. Outro vista dos estudos de Capistrano que labareda ateno, dos temas que ele elegeu porquê importantes, o olhar mais voltado para a sociedade. Capistrano esqueceu os grandes homens, os grandes vultos do pretérito. O pensador no glorificou o pretérito. Essa atitude crtica dele fundamental. O historiador tem que ser crtico para no ter uma atitude ingnua em relao ao pretérito ou s verses que esto consolidadas do pretérito. Capistrano tinha essa perspectiva crtica.

» Portal: Capistrano discutia seus estudos com diferentes pensadores, porquê o historiador e diplomata Baro do Rio Branco. De que forma esse dilogo contribuiu para o aprimoramento de Capistrano?

DM: Essa questo pode ser considerada porquê outro vista da atualidade de Capistrano, porque a interdisciplinaridade muito explorada no tempo presente. A histria desenvolvida pelo pensador dialoga, por exemplo, com a antropologia e com a sociologia. A partir desse dilogo, a disciplina se enriquece. Capistrano fazia isso, evidente, em outro tempo e em outra circunstncia. O pensador dialogava, por exemplo, sobre geografia com o Baro do Rio Branco. A histria se consolida junto com outras cincias, no dilogo com a geografia, com a sociologia. Na poca dele, os temas relacionados s matas, questo territorial, aos mapeamentos, aos caminhos antigos e ao povoamento do Brasil recebiam destaque. Esses elementos enriquecem a formao de Capistrano. Ele se forma ao longo do tempo e dialoga. O historiador estava sempre procurando ferramentas de pensamento, que mobiliza ao longo de sua trajetria. So diferentes ferramentas ao longo do tempo.

Leia mais:  Continentes. A formação dos continentes

 

you are watchingt: Editora PUC-Rio
Source Website: https://sacaairports.org
Categoría: brasil

Leave a Reply